14°C 30°C
Mineiros, GO
Publicidade
Anúncio

Mecias de Jesus comemora aniversário de 134 anos de Boa Vista

O senador Mecias de Jesus (Republicanos-RR) destacou, em pronunciamento nesta terça-feira (9), o aniversário de 134 anos de Boa Vista, celebrado ta...

09/07/2024 às 19h26
Por: Redação Fonte: Agência Senado
Compartilhe:
 - Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado
- Foto: Waldemir Barreto/Agência Senado

O senador Mecias de Jesus (Republicanos-RR) destacou, em pronunciamento nesta terça-feira (9), o aniversário de 134 anos de Boa Vista, celebrado também nesta terça. O parlamentar ressaltou que a capital de Roraima tem um conceito moderno de urbanização, com ruas e avenidas largas que convergem para um centro econômico e administrativo dinâmico e em constante evolução. Segundo Mecias, o maior desafio do governo estadual é levar a mesma qualidade de vida para todos os bairros da periferia.

O senador afirmou que sua atuação no Senado Federal tem sido voltada para buscar e disponibilizar os recursos necessários para que o governo do estado possa investir na melhoria da estrutura e dos serviços à disposição dos moradores da capital.

— Na saúde, viabilizamos investimentos para a aquisição de equipamentos para o Hospital das Clínicas, para a reforma dos blocos A e D do Hospital Geral de Roraima e também [...] recursos para o Hospital do Amor, que ajuda bastante a sociedade roraimense de Boa Vista. Na educação, conseguimos recursos para as escolas estaduais, para o instituto federal e para as universidades: Universidade Estadual de Roraima e Universidade Federal de Roraima. Na segurança, destinamos verbas para as polícias civil, militar e bombeiros, com destaque para o programa Polícia na Rua, com equipamentos, armas, munições e viaturas.

O senador também chamou a atenção para a chegada de grande quantidade de imigrantes ilegais em Boa Vista, o que, segundo ele, sobrecarrega os serviços públicos da capital e contribui para o aumento da violência e das drogas. Mecias ressaltou que está trabalhando para sensibilizar o governo federal quanto à situação e cobrar que o Executivo faça sua parte.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários